Apoio da Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos ao estágio de Cuidados Paliativos Pediátricos

Apoio da Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos ao estágio de Cuidados Paliativos Pediátricos no Servicio de Atención Integral a la Infancia con Enfermedad Crónica Grave en Situación de Alta Complejidad y Necesidades Paliativas (C2P2) del Hospital Sant Joan de Déu de Barcelona

A C2P2 é uma equipa interdisciplinar, que cuida de crianças e famílias com doenças crónicas complexas que limitam ou ameaçam a vida, sendo referência nesta área para toda a região da Catalunha. Esta equipa é composta por 6 pediatras, 10 enfermeiros, 2 psicólogos, 2 assistentes sociais e 2 agentes espirituais. O modelo de seguimento implica um gestor de caso (enfermeiro) que é responsável pela gestão do doente e da família. Trabalham em estreita colaboração com a Unidade de Luto, composta por duas enfermeiras especializadas e um assistente social.

O atendimento é presencial e telefónico (24h/365d). Para além da consultadoria multidisciplinar intrahospitalar permanente, também a consulta externa é um local privilegiado para optimização do controlo sintomático (dor, convulsões refractárias, feridas complexas ...) e reajustes do plano antecipado de cuidados. Em contexto domiciliário, prestam cuidados no local onde a criança se encontra (casa, escola e outras instituições de saúde). A disponibilidade de quatro viaturas móveis agiliza rapidamente os cuidados domiciliários e, marca a diferença pela excelência da intervenção, realizada em simultâneo pelo médico e enfermeiro.

A Unidade de Luto responde a programas de acompanhamento, quer individual como em dinâmicas de grupo. A intervenção incide nas perdas e lutos complicados e/ou antecipatórios (existe uma preparação prévia durante todo o ciclo da doença e após a morte nos pais e irmãos). O luto do profissional tem apoio especializado e diferenciado regular.

Esta equipa tem uma vertente importante de investigação e formação e capacita profissionais de vários países.

A APCP apoiou o nosso estágio de CPP durante duas semanas, tendo sido uma excelente ocasião de aprendizagem e crescimento profissional. Foi muito enriquecedor perceber a estrutura, organização e dinâmica de uma equipa especializada com vasta experiência nos cuidados paliativos pediátricos, desde há 30 anos. Foi um estágio intenso, com grande robustez e intensidade clinica/científica e de objectivos concretizados, que muito agradecemos à APCP.

 

Maria João Palaré

Emília Fradique


voltar