O cuidar é por vezes mais importante que o curar!

O universo do cuidar em neonatologia esteve em foco no programa a nossa tarde, dando voz aos profissionais, às crianças e às suas famílias e particular destaque aos desafios de todos, no confronto com o sofrimento, a incerteza, a morte e o luto, tendo em conta as dimensões física, psicológica, emocional, espiritual e social. Os profissionais de enfermagem em entrevista partilharam a sua experiencia, alguns exemplos de boas práticas e o potencial de intervenção destas equipas no apoio às famílias: O cuidar é por vezes mais importante que o curar, disse a colega Joana Mendes. Entre outros aspetos, falou-se no diário do recém-nascido, na sala de humanização de cuidados e nas cerimónias de homenagem às famílias em luto. Bem Haja à Tânia Ribas de Oliveira e equipa pela sua especial sensibilidade e pelo contributo inestimável na promoção da literacia em matéria de cuidados paliativos ao longo do ciclo de vida . Para assistir na integra: http://media.rtp.pt/anossatarde/artigos/do-enfermeiras-familia/?fbclid=IwAR3NrUDgwgu985X8Vj_P4ceeqvF9te1BDmcfrMgj5XtU9d0d-YSHsuZw-F4


voltar