'Treino da Compaixão'

Com a atual pandemia a Compaixão é mais necessária do que nunca e é importante trazê-la para o dia a dia.

Os projetos Amadora Compassiva e Porto Compassivo, apoiados pela Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos e pelo BPI - LaCaixa tiveram de ser redesenhados e adaptados às limitações atuais. O mesmo se passou com Borba Cidade Compassiva.

Estamos ainda muito no inicio dos projetos mas a boa noticia é que a Compaixão se treina, como um músculo ... todos temos em nós temos as sementes da Compaixão e assim podemos aprender a desenvolve-la, cultiva-la, regá-la.

Por isso fizemos uma formação sobre o "Treino da Compaixão" com Patxi.

Patxi del Campo, é musicoterapeuta, terapeuta especializado no método Imagem Guiada e Música (BMGIM), Instrutor em Compaixão certificado pelo Compassion Institute e Diretor o Instituto Música Arte. Atualmente é membro da equipa de investigação sobre musicoterapia em cuidados intensivos.

Patxi já faz parte do Portugal compassivo.

A coordenadora do projeto Amadora Compassiva falou pela primeira vez com ele em Setembro do ano passado e em janeiro esteve 5 dias em Vitória- Gasteiz onde teve o privilegio de conhecer de perto o projeto "Vivir com Voz Propia" e aprender com a equipa.

Mas Patxi esteve também na conferência inaugural do Porto Compassivo em 20 de janeiro,no Fórum online "Comunidades compassivas em tempo de pandemia" no dia 2 de junho promovido pela APCP e estará ainda no 'V encontro Viver a Vida!' , promovido pela AMARA e integrado na Amadora Compassiva para comemoração do dia mundial dos Cuidados Paliativos.

A noite de dia 30 de junho foi um momento inesquecível de aprendizagem e crescimento pelo qual expressamos o nosso profundo agradecimento.


voltar